domingo, 26 de setembro de 2010

Doce amargo do amor

Os Monarcas

A                       E
(Me dê um chimarrão de erva boa
                                A
Que o doce desse amargo me faz bem
               A7           D
O amargo representa uma saudade
     A          E               A    E A
E o doce o coração que ela não tem)

                               E
Cevei meu mate no romper da aurora
                             A
Chamei a china prá matear comigo
                         A7     D
Nem desconfiava que ela fora embora
           A           E      A
E esta saudade hoje é meu castigo

( )

                            E
No fim da tarde nada me consola
                              A
Tomo um amargo disfarçando a dor
                        A7  D
Largo o porongo e pego na viola
          A             E      A
Canto saudade pro meu grande amor

Nenhum comentário: